Carta de boas vindas ao curso 2018-2019

Algumas palavras das educadoras da APBC às famílias

Bem-vindos à Associação de Pais de Brasileirinhos na Catalunha!

Estamos muito felizes de tê-los aqui conosco. Nossa associação foi fundada em 2009 por um pequeno grupo de pais e mães que não sabiam como manter/transmitir o português aos seus filhos aqui na região da Catalunha.

O resultado desta “pequena” iniciativa? Hoje somos mais de 60 famílias participantes.

Nosso objetivo? Promover o português como língua de herança (também conhecido como POLH ou PLH) na região da Catalunha.

Nestes últimos oito anos a APBC cresceu e também se desenvolveu como instituição. Já ganhamos um prêmio importante, o Ponto de Memória, concedido pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM) do governo brasileiro. Este prêmio nos deu visibilidade e um bom suporte financeiro para realizar ainda mais atividades relacionadas à língua e práticas culturais do Brasil, enquadradas dentro da proposta de museologia social do IBRAM.

O POLH/PLH é a língua transmitida pelos familiares brasileiros aos seus descendentes que nasceram ou moram em outro país. Neste caso, aos brasileirinhos, como gostamos de chamá-los, que, além de terem contato com o português, falam espanhol, catalão e inclusive outras línguas, dependendo da origem familiar.

O trabalho da APBC é um ponto de apoio às famílias que desejam que seus filhos desenvolvam seus conhecimentos na língua portuguesa e também convivam com outros brasileirinhos. No entanto, achamos importante ressaltar que trabalho da transmissão da língua e da cultura de herança realmente se inicia em casa.

Mas, então, o que nós fazemos mesmo? Em primeiro lugar, nosso carro-chefe são as aulas de português como língua de herança, seguido das festas e eventos relacionados com as datas comemorativas brasileiras. Para realizar este trabalho, um grupo professores está sempre trabalhando para oferecer aos brasileirinhos um espaço acolhedor e dinâmico, que fomente o aprendizado da língua portuguesa ao mesmo tempo que valoriza seus conhecimentos prévios e sua cultura local.

Cientes da heterogeneidade presente nesses grupos, nossos professores também estão em permanente formação. Seja na realização de cursos específicos para o ensino do POLH/PLH, seja representando a APBC em eventos acadêmicos em vários países, estamos sempre aprendendo e buscando melhorar nossa prática pedagógica. Somos membros do Elo Europeu de Professores de POLH (www.eloeuropeu.org).

Atualmente, nossa base pedagógica é a Competência Comunicativa Intercultural. Nome comprido para uma ideia simples, desenvolver o POLH/PLH em quatro âmbitos:

Para isto, trabalhamos com um projeto temático comum durante todo o ano letivo e, durante as aulas, tentamos desenvolver os quatro âmbitos da competência comunicativa através de atividades lúdicas e/ou formais, com leitura, escrita, expressão oral, entre outras. As aulas estão planejadas para que cada brasileirinho possa ir se desenvolvendo gradualmente, de acordo com sua faixa etária e seu momento de aprendizagem.

Ainda assim, elaboramos um relatório final de avaliação, com o objetivo de documentar a evolução de cada criança e descrever aspectos que possam ser úteis para vocês, pais, seguirem com este trabalho em casa.

Cada encontro tem duas horas de duração. Pedimos a todos que sejam pontuais, o tempo é curto e precioso! Tragam sempre água e um lanche leve. Planejamos tudo com muito carinho e recursos. Sempre que possível, avisem o professor se não for possível comparecer à aula. O grupo de Whatsapp de cada turma é o principal canal de comunicação com o professor do seu filho. As novidades também são informadas por e-mail e por facebook.

Esperamos que seu brasileirinho aproveite muito nossos encontros!

Obrigada por caminharem conosco.

 

Equipe Pedagógica, setembro/2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *